passaTEMPO

Photobucket

Passaram por aqui

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

DEL.ineáveis in-DEL.icadezas...



20 comentários:

myra disse...

voce é sempre alinhado...e genial!!!
beijosssssssssss

Chica disse...

Maravilha,como sempre!Uma linda semana,abraços,chica

Dario B. disse...

Essa é fantástica, Tonho, posso citar as vezes?

Wania disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Wania disse...

Tonho

Apagar os caminhos? Nunca!
DEL.etar? Jamais!


Linda criação!
Bisous

Solfejando poesia disse...

Querido... as marcas de uma vida toda são sinal de bravura para enfrentar essa vida doida. rs
Mas tem seu lado bom, sempre... e isso que vale, um beijo!

Álly

Mirze Souza disse...

TONHO!

Não ao retoque, não ao photoshop!

Essas marcas são poéticas, nunca as vi, mas se você diz....

DEL naqueles que não nos aceitam!

Beijos

Mirze

Noslen ed azuos disse...

Besteira iludir o espelho sendo que a beleza esta no interior.


abraços
ns

João Menéres disse...

ESPANTOSO, TONHO !

Um abraço.

Adriana Godoy disse...

Ah! Tonho..."se todos fossem iguais a você, que maravilha viver"....Beijo

Simone disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Analuz disse...

Sensibilidade tua...
Captura a ideia nua
E a veste de ti...

Abraço de Luz!

Em@ disse...

Tonho, mas o mais importante, ainda, é não apagar os caminhos da memória...ver alquém sem memória, impressiona e entristece muito mais do que com a cara a.lisa.da...
beijo , Tonho
e vou espreitar o outro.

Em@ disse...

Ahhhhhh esqueci dizer que achei este seu trabalho poético genial.:)

tania não desista disse...

...hahahahah,tonho!...finalmente,desato"o nó" da minha garganta!...você não é normal!
bj
taniamariza

Simone disse...

Você sabe onde ler isso: "Em cada face a história do mundo, as dores de todos os homens marcadas em vincos..." (Vida Branda).

Gostei ainda mais da versão do desenho com o perfil masculino. Um horror essa mania de passar à ferro o rosto das pessoas. Algumas têm personalidade e vivências tao intensas que photoshop algum anula nelas a expressão de experiência. Mas, tentar submetê-las é realmente in-DEL-icado.

Simone disse...

Passei o photoshop:

Quem cria como você até pode testemunhar o vício do photoshop desfazendo imperfeições, apagando a "expressão" do humano na imagem. Mas, a cada dia, toda a sua bagagem, se expressará com força, cada vez mais firme, mais simples, mais Tonho. Sua síntese crítica de imposição dos "moldes" é fantástica. Parabéns!

Henrique Pimenta disse...


é
ti

Adriana Godoy disse...

Perfeito. bj

Ivan Bueno disse...

Pô--ético!
As linhas do tempo, os sinais da idade são tratados, às vezes, como se fossem "defeitos", enquanto mostram a riqueza do vivido. E a beleza, ah, a beleza só muda.
Bela advertência, Tonho.
AbraçUAI,

Ivan Bueno
blog: Empirismo Vernacular
www.eng-ivanbueno.blogspot.com